VEP busca parcerias privadas para ressocialização de presos


BELFORD ROXO - A Vara de Execuções Penais (VEP), do Tribunal de Justiça do Rio, decidiu buscar parcerias privadas para o desenvolvimento de projetos de ressocialização de presos do sistema carcerário do estado. No próximo dia 19, na reunião do conselho do órgão, a VEP discutirá o assunto. A ideia é apresentar algumas propostas que incentive a participação de empresários e instituições do terceiro setor no apoio a atividades culturais e esportivas.

O encontro contará com representantes da Secretaria estadual de Administração Penitenciária, do Ministério Público, da Defensoria Pública, da Arquidiocese e da Associação Comercial, entre outros.

Esforço

"O tribunal está fazendo todos os esforços para trabalhar em conjunto com a sociedade como forma de ressocializar os egressos do sistema prisional", afirma Rafael Estrela, juiz da VEP.

Superlotação

Hoje, as cadeias do Rio de Janeiro, que passa por intervenção federal na segurança pública, têm 51,5 mil presos para 28,6 mil vagas. Dos 45 presídios existentes no sistema carcerário do estado, 33 operam acima do previsto.

Rebelião

Em fevereiro, detentos fizeram uma rebelião no Presídio Milton Dias, em Japeri, na Baixada Fluminense, após uma tentativa de fuga. No total, 18 reféns (oito agentes penitenciários e 10 internos) que ficaram em poder dos presos foram libertados.

Via O Dia

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.