Preso suspeito de participação em morte de professor de Belford Roxo em Duque de Caxias


BELFORD ROXO - Foi preso na noite desta terça-feira, Moisés dos Santos, de 47 anos, acusado de ter participado diretamente do assassinato de Wanderley Tavares Moreira, de 63 anos, que ocorreu no bairro Vila São Luís, em Duque de Caxias, na Baixada Fluminense, no dia 07 de maio de 2017.

Equipes da Divisão de Homicídios da Baixada Fluminense (DHBF), coordenadas pelo Delegado de Polícia André Timoni, foram responsáveis por efetuarem a prisão de Moisés, em cumprimento ao mandado de prisão oriundo de investigação da própria especializada que sobre o caso.

A investigação da DHBF revelou que o detido, acompanhado do comparsa Carlos Wellington Assis Ribeiro, de 51 anos, que está foragido, matou Wanderley, a tiros, após um desentendimento entre eles.

Moisés também é investigado por outros homicídios na região.

Via Extra

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.