Alunos de Belford Roxo recebem carteira de identidade


BELFORD ROXO - Alunos da rede municipal de ensino de Belford Roxo receberam a primeira via da carteira de identidade. A ação faz parte do projeto Protegendo o Futuro, uma iniciativa das Secretarias de Educação e da Secretaria de Assistência Social e Cidadania, em parceria com o Detran e o Ministério Público (MP).

Desta vez, 37 alunos do Ensino Fundamental matriculadas na Escola Municipal de Educação Especial Albert Sabin, no bairro Nova Piam, foram contemplados. Criado em 2017, o projeto tem o objetivo de prevenir o desaparecimento de crianças e adolescentes. Segundo dados da Coordenadoria do Programa de Localização e Identificação de Desaparecimento do MP, em 2018, dos 500 menores desaparecidos mensalmente no Estado do Rio de Janeiro, 140 são de Belford Roxo.


A solenidade de entrega contou com a presença de pais e alunos, além da deputada federal Daniela do Waguinho; do secretário de Educação, Denis Macedo; do secretário de Assistência Social e Cidadania, Diogo Bastos; da chefe de Divisão de Educação Especial, Célia Domingues; da representante da Secretaria Estadual de Desenvolvimento Social e Direitos Humanos, Patrícia Batista; e do vereador Matheus Ricardo.

“Parece uma coisa simples, mas quando a criança possui identidade e CPF, é mais fácil a identificação nos casos de desaparecimento. Ficamos muito assustados com os dados do Ministério. Por isso, levamos o Protegendo o Futuro para todas as escolas do município com a finalidade de diminuir essa estatística”, afirmou Daniela do Waguinho.

Os três filhos de Cintia Alves, Davi Gabriel (10), Emilly (8), e Isabelly (5), receberam a primeira via da identificação civil. “Achei ótima a iniciativa da escola. Sempre achei muito burocrático e eles fazendo isso, nos ajudaram muito”, disse a moradora do bairro Santa Amélia.

O evento contou ainda com apresentações dos alunos da Albert Sabin, em homenagem ao Dia das Mães.

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.