Justiça manda prender homem que matou companheira após briga por venda de TV


BELFORD ROXO - A Justiça da Comarca de Belford Roxo, na Baixada Fluminense, decretou, no dia 4 de julho, a prisão preventiva de Silvio Mendes Lucas, denunciado pelo crime de feminicídio de sua companheira.

De acordo com a denúncia oferecida pelo Ministério Público do Estado do Rio de Janeiro (MPRJ), Silvio Mendes Lucas matou Alice, com golpes de instrumento perfurocortante (arma branca), no dia 28 de abril deste ano, por volta de 1h30. O crime teria sido praticado por motivo torpe, a partir de uma discussão sobre a venda de uma televisão a fim de quitar uma dívida de Silvio com o tráfico de drogas local.

Alice não concordou e ambos discutiram na área comum do prédio em que viviam.

Horas depois, já em casa, durante a madrugada, Silvio surpreendeu Alice e desferiu diversos golpes contra ela que causaram sua morte, ainda no local. O MPRJ destaca que, além do motivo torpe, o crime foi praticado pela condição de sexo feminino da vítima, envolvendo violência doméstica e familiar.

O juízo da Comarca de Belford Roxo concluiu que há indícios suficientes de autoria do crime de feminicídio por parte do denunciado, e por isso decretou a prisão preventiva de Silvio “para a garantia da ordem pública, assegurar a aplicação da lei penal e por conveniência da instrução criminal sejam mantidas”.

Via: O Dia

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.