Belford Roxo inaugura Sala do Empreendedor em dezembro

Clarice, Nuna, Edir, Adriano e Edmilson definiram o funcionamento da Sala do Empreendedor

BELFORD ROXO - O secretário de Trabalho de Belford Roxo, Álvaro Nuna, se reuniu, nesta quinta-feira (14-11), na sede do órgão, com o consultor do Sebrae, Edir Maurício Moreira. O objetivo do encontro foi finalizar os preparativos para a inauguração da Sala do Empreendedor, prevista para dezembro. Uma das propostas da implantação do espaço, que tem 20 metros quadrados, é oferecer e orientação ao pequeno empresário e a quem pretende abrir seu próprio negócio. O município tem hoje, aproximadamente, 25 mil microempreendedores. 

Álvaro Nuna destacou que a parceria da Prefeitura com o Sebrae é fundamental para alavancar o micro empreendedorismo em Belford Roxo, possibilitando assim a geração de empregos e renda. “Os 25 mil pequenos empresários do município se cadastraram em Nova Iguaçu. A Prefeitura arrecada, em média, de cada um, R$ 5 por mês. Se multiplicarmos 25 mil por R$ 5, o resultado é R$ 125 mil. Isso por ano dá R$ 1,5 milhão. É um dinheiro que Belford Roxo deixou de arrecadar. Mas, com a parceria com o Sebrae já estamos começando a mudar esta situação, pois pretendemos atender 200 microempreendedores por mês”, avaliou Nuna, ao lado do secretário adjunto, Adriano Nascimento, e da secretária executiva, Clarice Santos.

Já como parte do treinamento para a inauguração da Sala do Empreendedor, nos dias 26 e 28 de novembro serão ministrados o curso de atendimento ao cidadão.

A Sala do Empreendedor oferecerá diversos serviços como: registro de MEI (Microempreendedor Individual); orientação sobre emissão de alvará, instruções sobre microcrédito e como se cadastrar para ser fornecedor de produtos para órgãos municipais. “Não tivemos dificuldade para implantar a Sala do Empreendedor, pois a Prefeitura nos cedeu o espaço com computadores e internet. É importante que o microempresário se conscientize da importância desse espaço”, finalizou Edir Maurício Moreira. “Belford Roxo está servindo de exemplo para a Baixada e todo o Estado do Rio”, completou o analista do Sebrae, Edmilson Gonçalves.

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.