Miliciano acusado de matar homem em Belford Roxo, é preso


BELFORD ROXO - Ex-Policial Militar acusado de matar um homem, em 2015, foi preso na última segunda-feira (09/03), no centro de São João de Meriti. Contra ele foi cumprido um mandado de prisão pendente pelo crime de homicídio. 

Segundo Policiais da 64ª DP, as investigações foram realizadas pela Delegacia de Homicídios da Baixada Fluminense (DHBF) e apontaram que o autor, junto com outros comparsas, usando um veículo, atiraram contra a vítima, Jeferson Poveda, no bairro Xavantes, em Belford Roxo e fugiram do local rapidamente. O crime aconteceu em 14 de março de 2015.

O ex-policial, de acordo com os agentes, é considerado integrante do braço armado da milícia do “Cerolzinho” e a morte teria sido provocada por uma disputa de território entre grupos de milicianos da região. 

Cerolzinho, está preso cumprindo pena pelo crimes de homicídio, formação de quadrilha, posse de arma de fogo de uso restrito. PMs afirmam que a execução foi ordenada pelo grupo criminoso comandado por ele. 

O preso foi encaminhado ao Sistema Penitenciário, onde ficará à disposição da Justiça. 

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.