Belford Roxo começa a emitir carteira de trabalho digital a partir do segundo semestre


BELFORD ROXO - A partir do segundo semestre deste ano ficará mais fácil tirar a carteira de trabalho em Belford Roxo. A emissão do documento será feita pela Secretaria Municipal de Trabalho e Desenvolvimento Econômico (SMTDE), na versão moderna, digitalizada, estilo passaporte. A oficialização do serviço partiu do chefe da seção de Políticas de Emprego da Superintendência Regional do Trabalho, da Secretaria Nacional do Trabalho, Ricardo Leite Ribeiro, que esteve na sede da Secretaria. A previsão é de fornecer cerca de mil carteiras mensalmente.

Segundo informações da Secretaria Nacional de Trabalho, órgão ligado ao Ministério da Economia, o novo modelo do documento, “apresenta itens de segurança que dificultam fraudes contra seguro desemprego, FGTS e benefícios previdenciários, além de dotar o país de um eficiente sistema de atendimento ao trabalhador”. O secretário municipal de Trabalho e Desenvolvimento Econômico, Álvaro Cardoso Junior, o Nuna, disse que com a digitalização a emissão da carteira ficará mais rápida. “O melhor da novidade é que o morador de Belford Roxo não precisará mais sair de sua cidade para procurar o serviço em outro município”, ressaltou.

Por agendamento

O secretário adjunto de Trabalho e Desenvolvimento Econômico, Adriano do Nascimento, disse que a solicitação da carteira deverá ser feita por agendamento. “Os interessados deverão acessar o site: http:saaweb.mte.gov.br ou pelo telefone 158 e informar o município onde mora. A emissão da carteira será feita no Sine (Sistema Nacional de Emprego) que funciona na sede da secretaria, Rua Benjamim Pinto Dias, 1.305, centro do município”. 

A nova carteira tem capa azul de material sintético mais resistente que o modelo antigo, feita em papel de segurança e plástico autoadesivo inviolável que dá proteção as informações profissionais do trabalhador. “A carteira terá outros dados complementares como: endereço, número do título de eleitor, da CNH e do CPF, além do número do NIS/PIS, fotografia, impressão digital e assinatura digitalizada”, destacou a diretora do Departamento de Trabalho e Geração de Renda, Clarice da Silva Santos.

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.