Jovens de Belford Roxo iniciam curso de Guarda Mirim


BELFORD ROXO - Duzentos jovens de Belford Roxo inscritos no curso Guarda Mirim, promovido pela Secretaria Municipal de Segurança Pública e Mobilidade Urbana, iniciaram hoje (19) as aulas que vão durar seis meses. O curso é destinado a meninos e meninas com idade entre 12 e 17 anos e está na segunda edição. Durante o período eles terão aulas práticas e teóricas. No final a turma terá formatura com honras militares, certificado de conclusão e ainda encaminhamento para o primeiro emprego através do Programa Jovem Aprendiz.


Na última sexta-feira, todos os alunos, em companhia de seus familiares, participaram da aula inaugural, realizada no saguão principal do Polo Cederj, localizado na Rua Mauá, 178, bairro São Bernardo. Lá eles receberam um kit escolar, contendo camiseta e livros e apostilas. O evento foi marcado por uma cerimônia que contou com as presença de várias autoridades e convidados entre elas, a deputada federal Daniela do Waguinho, primeira dama do município e madrinha da Guarda. “A educação transforma vidas. E preparar jovens com conhecimentos é preparar o futuro”, destacou a parlamentar fazendo elogios ao projeto e aos seus idealizadores, os agentes da Guarda, Thiago Silva e Egydio Soares.

Aulas na sede da Guarda Municipal

As aulas são realizadas na sede da Guarda Municipal, na Avenida Joaquim da Costa, bairro Santa Amélia com turmas de manhã e tarde. O conteúdo do curso tem oficinas de informática básica, cidadania, ética, educação ambiental, defesa pessoal, ordem pública (princípios da hierarquia e disciplina), noções de rotinas administrativas (empreendedorismo), primeiros socorros, prevenção à dependência química, noções sobre o Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA), inglês e passeios culturais.

Para Thiago Silva e Egydio Soares o Projeto da Guarda Mirim consiste em um preparatório para o futuro. “O mais importante foi que o prefeito Waguinho (Wagner Carneiro) abraçou nossa ideia que é formar cidadãos de boas práticas e autoestima elevada. No final todos são encaminhados para oportunidades de emprego através do Programa Jovem Aprendiz”, explicou Thiago. “Este ano, a procura para novas turmas foi grande e por isso tivemos que aumentar o número de vagas. Ano passado formamos 120 alunos e este ano ampliamos para 200”, disse Egydio. Empolgado com o resultado o secretário de Segurança Pública, João Sant’anna Junior, o capitão Sant’anna, ressaltou: “O projeto é referência na Baixada Fluminense de um aspecto social importantíssimo, garantindo aos jovens novos conhecimentos, fundamentais para o futuro”, acentuou.

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.